Blog Posts

04 December
0

Copiando um vinil

A época de ouro do vinil durou até o início da década de 1990 do século passado. Até aquele momento, quem queria ter a chance de ouvir um som em casa a qualquer momento que lhe desse na telha tinha duas possibilidades: comprar o próprio bolachão, ou conectar um gravador na vitrola e “baixar” o disco para uma fita-cassete.

Depois do advento do CD e, principalmente, do computador pessoal, as possibilidades para quem quer ter o conteúdo do disco em casa ficaram absurdamente mais simples. Hoje nem é necessário mais o CD em si. Basta você baixar os arquivos para o seu disco ou para um MP3 player da vida e acabou.

Contudo, felizmente a experiência de se ouvir música direto do vinil nunca morreu. Ainda existem milhões de pessoas que, como eu, amam a sensação de colocar o disco na vitrola, ouvir os pequenos chiados das ranhuras, ter de trocar o disco de lado etc. Para esses amantes do prazer de lidar com o vinil, o site Supergroove  está dando uma dica fantástica: como copiar o próprio bolachão em casa! Vem ver:

piratao-contraversao

São 9 passos básicos para você ter uma cópia fiel em vinil daquele disco raro (que custa uma fortuna) em casa:

#Passo 1 – Criando o berço Construa uma caixa de madeira um pouco maior que o disco de vinil, de aproximadamente 40 cm quadrados. Vede os cantos com durepox ou aquela massinha usada para instalar vidros em janelas, ou qualquer outro produto vedante.

Pirate-Vinyl-01-1-150x150

#Passo 2 – Posicione ao centro o disco a ser pirateado, tranque a porta e feche as janelas para não correr o risco de ser surpreendido por agentes da Polícia Federal.

Pirate-Vinyl-02-150x150

#Passo 3 – Criando o Molde:
Para criar o molde  do vinil, você precisará de um silicone especial chamado OOMOO 30 que você pode adquirir neste site em doses homeopáticas ou em baldes.
Eu recomendo comprar logo o balde, pois dá para fazer coisas incríveis com este silicone, sabe as máscaras do clipe Thriller do Michael Jackson? Foram feitas com este produto.
Ps: Antes de derramar o produto em cima do disco, coloque algo no furico do vinil para demarcar o centro.

Pirate-Vinyl-03-150x150

#Passo 4 – Despeje o produto começando pelos cantos do berço e deixe ele se espalhar naturalmente. Certifique-se que foi criada uma camada de pelo menos meio centímetro de silicone. Agora é só deixar o grude secar por 6 horas.

Pirate-Vinyl-04-150x150

#Passo 5 – Retire o silicone com cuidado e corte os excessos com uma tesoura sem ponta.

Pirate-Vinyl-05-150x150

#Passo 6 – Criando o disco de vinil: O molde já foi criado, e você pode utilizá-lo para duplicar quando discos quiser. Agora despeje  o plástico líquido que você adquire aqui.

Pirate-Vinyl-06-150x150

#Passo 7 – Certifique-se que não caiu nenhuma sujeirinha no plástico líquido. Espalhe o líquido suavemente e elimine as bolhas de ar que surgirem com uma espátula.

Pirate-Vinyl-07-150x150

#Passo 8 – Você saberá quando o produto tiver seco. Retire-o do molde com cuidado e faça um furico no meio, usando uma furadeira com broca de 6mm.

Pirate-Vinyl-08-150x150

#Passo 9 – O vinil está pronto para rodar!

Pirate-Vinyl-09-150x150

Fonte: Supergroove

0 Comentários

Nenhum comentário. Seja o primeiro!

Deixe um comentário